Mesmo durante a campanha de Outubro Rosa, índice de prevenção cai em Campinas.

Devido à pandemia, a insegurança em frequentar ambientes de risco e o redirecionamento dos esforços médicos para conter o coronavírus fez com que muitas pessoas adiassem ou abandonassem seus tratamentos.

Em Campinas, as pesquisas apontam queda percentual de 60,5 no índice de exames de detecção do câncer de mama. Especialistas apontam que o diagnóstico tardio é o principal responsável por complicações durante o tratamento.

Em comparação com o mesmo período em 2019, percebe-se que houve queda na procura do exame de mamografia nas unidades hospitalares da cidade. O médico oncologista Fernando Medina, do Centro de Oncologia de Campinas, comentou que a procura foi baixa até mesmo antes do período de quarentena, mas piorou após os meses de abril e maio. O profissional alerta também para a importância da detecção, para que haja um tratamento adequado e recuperação tranquila, afinal, este é o tipo de câncer mais presente nas mulheres em todo o mundo.

Prevenção e cuidados

A SBM (Sociedade Brasileira de Mastologia) apresentou o slogan de campanha “Quanto antes, melhor”, o objetivo é incentivar as mulheres a adotarem um estilo de vida mais saudável, com hábitos alimentares mais cautelosos e exercícios físicos, pois podem comprovadamente auxiliar no processo de tratamento e até mesmo prevenção do câncer de mama.

Não somente a saúde física deve ser tratada, mas também a saúde emocional das pacientes tratadas. O mês de outubro, voltado à propagação de informações e lembretes de que deve haver um cuidado o ano todo, afinal, é de qualidade de vida que estamos falando.

Mantenha-se sempre informada(o) com o nosso blog! Se necessário, contate um dos nossos especialistas em direito da saúde! Estamos sempre à disposição!

Fonte: Correio.

Posts Relacionados

Fechar Menu

Fale Conosco

Fale pelo Telefone

(19) 3231 5650

Fale pelo Whatsapp

(11) 9 4900 9364